Conheça as 9 ilhas do arquipélago dos Açores, o pequeno paraíso de Portugal

Certamente,  o arquipélago dos Açores é presença obrigatória em todas as listas de lugares para conhecer antes de morrer. Com uma geografia de tirar o fôlego, com lagoas verde esmeralda e azul safira, além de crateras vulcânicas, o conjunto de ilhas  portuguesas tem ainda mansões majestosas, igrejas do século 15, azaléas coloridas e hortênsias.

Com a sua beleza natural impressionante, os Açores podem – e devem – figurar nos seus planos turísticos e, até quem sabe, de viver em Portugal.

A cerca de 2 horas de voo a partir do continente, o arquipélago dos Açores é formado por 9 ilhas, que se dividem em 3 grupos: o Central (ilhas Terceira, Graciosa, São Jorge, Pico e Faial), o Oriental (ilhas de São Miguel e Santa Maria) e o Oeste (ilhas de Flores e Corvo).

Com uma área total de 2.333 km², o conjunto de ilhas do arquipélago foi formado por atividades vulcânicas há mais de 8 milhões de anos. Mundialmente conhecido pelas suas belezas naturais, o arquipélago recebeu dos portugueses a alcunha de “pedaços de paraíso”.  Durante todo o ano, as temperaturas são amenas, variando entre 14°C e 22°C

A Região Autônoma dos Açores pertence a Portugal e faz parte da União Europeia, sendo o português o idioma oficial.

Principais cidades dos Açores

Ponta Delgada, capital econômica dos Açores

No arquipélago dos Açores vivem mais de 246 mil portugueses, distribuídos por 19 cidades. Ponta Delgada é a maior delas e se localiza na Ilha de São Miguel, sendo a capital do arquipélago. As outras capitais são Angra do Heroísmo e Horta.

As principais cidades do arquipélago são:

  • Ponta Delgada, capital do arquipélago, na Ilha de São Miguel
  • Angra do Heroísmo, capital da Ilha Terceira
  • Ribeira Grande, na Ilha de São Miguel
  • Praia da Vitória, na Ilha Terceira
  • Horta, capital da Ilha Faial.

Como chegar

A 1.643km de Lisboa, os Açores ficam em uma latitude próxima a da região de Setúbal, no continente. Para além dos aeroportos internacionais de Ponta Delgada, Angra do Heroísmo e Santa Maria, na Ilha de Santa Maria, também é possível voar de Portugal para as ilhas açorianas pela companhia aérea regional TAP Air Portugal. De uma ilha para outra no arquipélago, é possível se transportar em ferry-boats.

Gastronomia e artesanato

Cozido de Furnas, o cozido à portuguesa que é preparado no vapor que exala de buracos na rocha vulcânica

Orelha de porco no vapor, picles de beterraba e manteiga defumada são alguns dos pratos regionais que merecem a sua atenção quando visitar os Açores.

O prato mais famoso é o Cozido de Furnas, onde carnes variadas, batatas e legumes são cozidos juntos por horas apenas com o vapor que vem das profundezas do planeta, em uma panela colocada em uma fenda na rocha vulcânica, os chamados gêiseres.

Além do cozido à portuguesa feito no vapor, outros destaques da gastronomia típica das ilhas são o polvo cozido com vinho, bife de alcatra, queijos regionais, além de licores e vinhos.

Já entre os artesanatos produzidos pelos ilhéus, se destacam os móveis e cestos de vime, rendas e bordados, colchas e cobertores, além de cerâmica com as cores azul e branca e flores artificiais confeccionadas com escamas de peixe.

As ilhas

Como já mencionamos acima, o arquipélago dos Açores é formado por 9 ilhas, que se dividem em 3 grupos. Agora, você vai conhecer um pouquinho de cada uma delas.

Grupo Oriental

Ilha de São Miguel

Lagos do Fogo

Vamos começar pela principal ilha dos Açores, que é a ilha de São Miguel, a maior do arquipélago, com 15,8km de largura e 62,1km de comprimento. É possível ver a imensidão do oceano em todas as direções do alto de suas maiores montanhas

Ponta Delgada, a capital dos Açores, fica em São Miguel e possui o maior aeroporto da região. Começou a ser habitada pelos portugueses desde 1400.

Além dos portugueses, por lá também passaram espanhóis e flamengos, conferindo aos nativos um peculiar sotaque que chega a ser incompreensível para os portugueses do continente.

A ilha foi formada geologicamente através de 3 grandes explosões, há mais de 8 milhões de anos, formando as principais áreas da ilha e seus pontos turísticos mais conhecidos e procurados pelos turistas: as lagoas da Bacia das Sete Cidades, de Fogo e de Furnas.

Em meio a natureza, os viajantes têm muitas opções para atividades esportivas, como caminhada, montanhismo, canoagem e ciclismo.

Ilha de Santa Maria

Vista da Ilha de Santa Maria a partir do Pico Alto

Com pouco mais de 5,5 mil habitantes, a cerca de 80km da Ilha de São Miguel, está a Ilha de Santa Maria. Com 97km² de área total, o ponto mais alto da ilha é o Pico alto, com 587 metros de altitude.

Mas você pode admirar a beleza das paisagens de outros miradouros, como o do Poço da Pedreira e a Praia Formosa, que são outros dos cartões postais mais famosos da ilha.

Poço da Pedreira

Nessa região, a pesca e a agropecuária formam a base principal da economia local. O vinho local é sempre uma opção para os amantes da bebida.

Segundo historiadores, Santa Maria terá sido a primeira ilha nos Açores descoberta pelos portugueses, entre 1427 e 1432.

Grupo Central

Ilha Terceira

Angra do Heroísmo, capital da Ilha Terceira

Com 30,1 quilômetros de comprimento e 17,6 quilômetros de largura (401,9 km²), a Terceira é a segunda ilha mais habitada do arquipélago, com aproximadamente 55 mil habitantes.

O centro histórico da cidade de Angra do Heroísmo ganhou o galardão de Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco em 1983.

Pelas suas características arquitetônicas e culturais diretamente ligadas a Florianópolis, no Brasil, as duas cidades são chamadas de “cidades-irmãs”.

Ilha do Faial

Murais coloridos da marina da Horta

Com 1.731 km² (19,8km de comprimento e 14km de largura), a Ilha do Faial tem o Cabeço do Gordo como ponto mais alto, com 1043m de altitude.

A Marina da cidade da Horta, inaugurada em 1986, é famosa pelos seus murais coloridos, feitos à mão pelos marinheiros como símbolos de boa sorte.

Para quem visita o Faial, paragem obrigatória é o Museu do Scrimshaw, uma coleção particular, dos donos do “Peter Sports Café”, um local de convívio de marinheiros, que mostra um grandioso conjunto de peças trabalhadas em dente de cachalote.

Ilha do Pico

Vulcão da ilha do Pico

Com 444,4km² de área, a ilha do Pico abriga o ponto de maior altitude em Portugal, que são os 2351m de altitude da Montanha do Pico. A montanha abriga o vulcão que dá nome ao pico.

É possível vislumbrar golfinhos e baleias que nadam tranquilamente nas águas azuis que rodeiam a ilha. A vinicultura da área faz parte da Paisagem da Cultura da Vinha como Patrimônio Mundial da Humanidade da Unesco.

Ilha de São Jorge

Com 54km de comprimento e 6,9km de largura máxima, a Ilha de São Jorge é dona de uma longa e alta cordilheira vulcânica. O Pico da Esperança, com 1053m de altitude, é o seu ponto mais alto.

Em razão dos seus ótimos pastos propícios para a atividade pecuária, a ilha possui um dos queijos mais saborosos de Portugal. Outra característica da atividade agropecuária local é o seu grande número de fajãs, que são porções de terra cultiváveis, de pequena extensão, e formadas por materiais desprendidos do alto das montanhas.

Ilha Graciosa

Ilhéu da Baleia na Ilha Graciosa, Açores

Com 12,6km de comprimento e 7km de largura, o destaque desta ilha com cerca de 4,5 mil habitantes vai para a produção de carnes e laticínios.

Grupo Ocidental

Ilha das Flores

Com 16,6km de comprimento e 12,2 km de largura, a Ilha das Flores é o ponto mais ocidental da Europa e considerada a ilha mais bonita de todo o arquipélago dos Açores.

Famosa pelos seus campos de hortênsias, tem uma população de pouco mais de 4 mil habitantes. Na ilha, existem 7 crateras vulcânicas que, ao longo do tempo, se transformaram em lagos. A Lagoa Funda é dos pontos mais visitados, pois a paisagem é de impressionar.

Paisagem com a Lagoa Funda e a Lagoa Rasa: de cair o queixo

Na década de 1970, a ilha ganhou um aeroporto e instalações portuárias, Desde 2009 que a Ilha das Flores integra a Rede Mundial de Reservas da Biosfera da Unesco.

Ilha do Corvo

A Ilha do Corvo é a mais isolada da Europa e já foi refúgio de corsários

Essa a menor ilha do arquipélago dos Açores, com 6,24km de comprimento e 3,99km de largura (apenas 17,1km²) e tem por volta de 500 habitantes. A base da economia local está na criação de gado.

Então, gostou das dicas e informações e quer se manter informado sobre Portugal? É só acompanhar as atualizações aqui do blog.

Veja também: Por que a Madeira é o segredo mais bem guardado de Portugal

Veja também: A melhor comida portuguesa: mais de 50 pratos típicos para comer em Portugal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *